21-3283-1240 | 97292-8404

Av. Embaixador Abelardo Bueno, nº 1, Ed. Lagoa 2, Sala 404, Barra da Tijuca

Topo

20 idéias para você planejar a sua vida para uma alimentação saudável

Ter uma alimentação saudável é difícil? Diante de tantas dificuldades, embora, muitas das vezes, sejam desculpas “esfarrapadas” (sim, nós somos humanos e normais!), nós podemos sim, melhorar e muito a nossa vida com planejamento adequado. Por isso, listei 20 dicas para você planejar de uma vez a sua vida para ter uma alimentação saudável e sair da inércia.

Tenha paciência, boa vontade e pense no seu objetivo e, desta forma, reúna suas forças para pensar na sua saúde em primeiro lugar e não nas dificuldades que aparecerão, ok?

 

Mãos à obra e foco na ação para as 20 super ideias!

 

1. Preparar a comida no final de semana e fazer várias marmitas, congelando-as.

2. Contratar uma cozinheira ou uma ajudante para cozinhar e fazer a sua marmita.

3. Se no local de trabalho não houver lugar para esquentar, leve alimentos que possam ser levados à geladeira e consumidos desta forma. (Ex: Salada de feijão fradinho com atum, Salada de Grão de Bico com frango, etc).

4. Comprar uma lancheira térmica – há diversas no mercado, lindas, que parecem bolsas que mantêm o alimento quente ou frio. E você ainda fique chique! Afinal, marmita e ter uma alimentação saudável agora é fashion! 😉

5. Comprar comidas congeladas de boa qualidade com a finalidade de “quebrar um galho”, ou então, se você não tem tempo de cozinhar! Não vale comprar lasanha congelada (nem se for de brócolis!) do mercado, ok?

6. Se não quiser ou puder levar comida para o trabalho, procure por restaurantes que sirvam variedade de alimentos para que tenha opções saudáveis. A sua força de vontade terá que ser forte, pois terá muita variedade e “tentações” também.

 

Tempo perdido é resultado de falta de planejamento.

 

7. Otimizar o seu tempo com o que puder – Compras em mercados, lojas de produtos naturais e de suplementos e hortifrutis pela internet. Hoje há diversas opções para compras que possuem uma entrega muito eficiente. Eu mesma compro praticamente 70% pela internet. Deixo somente carnes, frutas, alguns legumes e queijos para comprar no local pois gosto de escolher. Orgânicos eu compro pela internet também.

8. Buscar o prazer e focar no benefício em se alimentar de forma saudável. Não veja as restrições como sofrimento, mas como necessário abdicar de determinados alimentos por um bem maior, o seu!

9. Evite ao máximo os alimentos industrializados como os petiscos, salgadinhos, biscoitos, etc. Se você não os tiver na dispensa, não comerá! Se você não comer, não ficará viciado(a) e se não ficar viciado(a) não sentirá a necessidade. Bom e simples assim!

10. Comida de verdade é mais simples do que você imagina. Tudo o que vem da natureza na sua forma mais simples. Não nasce em lata, não dura 1 ano na caixa, não vem adicionado de mil e um conservantes, aromatizantes e corantes da vida, ou seja, apesar de clichê, “comida de verdade” faz muito milagre por aí!

11. Aceite, de uma vez por todas, que comida boa pode até dar um pouco mais de trabalho, mas te poupará tempo nos hospitais e médicos mais tarde e te proporcionará uma vida com qualidade – disposição, energia, produtividade.Precisa de mais argumentos?

12. Entender que a vida é feita de escolhas. Certamente, o custo disso vai depender do que você escolher. Defina suas prioridades de saúde e veja se suas atitudes diárias estão de acordo com elas.

13. Tenha um planejamento das suas refeições diárias – seja seguindo um plano alimentar, contratando um serviço de personal diet ou apenas buscando as fontes mais saudáveis, a fim de simplificar sua vida, aos pouquinhos mesmo.


alimentação saudável


Falta de planejamento é um dos principais fatores para fracassar em manter uma alimentação saudável!

 

14. Tenha frutas, castanhas (amêndoas, castanha do Pará, avelã, etc), barras de cereais de boa qualidade (aquelas que conhecemos são lotadas de xarope de glicose, descarte-as!) na bolsa ou no carro para os lanches e também para os imprevistos – assim fica mais fácil não parar naquela lanchonete no meio do caminho ou comprar aquela pipoca lotada de açúcar no trânsito!

15. Habitue-se a ler os rótulos. Nos rótulos encontramos informações muito importantes e, principalmente, substâncias que são nocivas ao nosso organismo como glutamato monossódico, corantes, conservantes, açúcares, edulcorantes nocivos como aspartame, sacarina, ciclamato.

16. Entenda os alimentos e saiba fazer substituições inteligentes nas preparações para melhorar a sua qualidade. Se, por exemplo, você vai fazer um bolo, substitua a farinha refinada pela integral, a margarina pelo óleo de coco ou azeite, o açúcar por uma fruta, o que reduz a quantidade de açúcar da receita, ou então por um adoçante mais natural como a stévia.

17. Varie ao máximo a sua alimentação. Inclua na rotina alimentos diferenciados, desta forma, você terá variedade de nutrientes e a alimentação fica ainda mais atrativa.

18. Elimine da sua vida os refrigerantes. Eles contém substâncias cancerígenas, excesso de açúcar e componentes que acidificam o seu organismo e promovem diversas doenças. Além disso, hoje em dia há até opções de refrigerantes saudáveis (e bem saborosos) para você iniciar a sua troca!

mulher saudável

19. Beba água, suas células precisam disso, inclusive para emagrecer se este é o seu objetivo. Coloque despertador no celular para avisar a hora, leve garrafa térmica dentro do carro (plástico com calor, nem pensar!), leve uma garrafinha pequena na bolsa. Dá o seu jeito, mas beba água!

20. Faça atividade física. Mas o que isso tem a ver com a alimentação saudável? Menos estresse pelas endorfinas do exercício, ou seja, menos vontade de comer doce, menos ansiedade e ataques noturnos de geladeira!

E aí? Quando você vai começar a ter uma Alimentação Saudável? Me conta, qual a sua maior dificuldade?

Um grande beijo!

Imagem de destaque: Emma Flickr

Sem comentários

Publicar um comentário