21-3283-1240 | 97292-8404

Av. Embaixador Abelardo Bueno, nº 1, Ed. Lagoa 2, Sala 404, Barra da Tijuca

Topo

Os 7 aspectos fundamentais para viver melhor – Terceira parte

Continuando a série de posts com os 7 aspectos fundamentais para viver melhor. A base desta série é a simplicidade.

Ora procuramos por milagres, pílulas mágicas e atalhos, ora sofremos, nos estressamos e nos desgastamos, mas o que poucos sabem é que, para uma vida boa não precisamos de muito não, basta equilíbrio nos aspectos fundamentais da vida.

Apesar de simples, espero que você sinta a profundidade de cada aspecto na sua vida, assim entenderá que tudo que almejamos será apenas consequência de uma vida equilibrada que cultivamos.

Costumo dizer que atividade física não é mais dica de saúde, mas fundamental, como comer. Lógico, apenas se você quiser viver mais, ter saúde e qualidade de vida.

Cientificamente já é comprovado os inúmeros benefícios da atividade física – prevenção de doenças crônicas não transmissíveis, manutenção da capacidade funcional, aumento de energia, força muscular, redução de estresse, depressão e ansiedade, melhora do humor, controle de peso, etc.

Foto: Community Spaces Fund

 

 

Já parou para pensar que a tendência é ficar sentado cada dia mais? Trabalhamos em computador; o celular, controle remoto da TV, do ar condicionado e do ventilador estão à mão, pedimos comida em casa, fazemos compras e pagamos contas pela internet, entre outras facilidades.

Não acho isso ruim não! Aliás, acho ma-ra-vi-lho-so o avanço da tecnologia. Não sei o que seria de nós sem isso no mundo de hoje. Mas… precisamos ser ativos fisicamente, então tem que buscar alguma atividade física e, de preferência, que dê prazer, pois ficará mais fácil! Dançar, jogar futebol, tênis, caminhar ou correr na praia, nadar, enfim, mexa-se!!!

 

Não tem desculpa de não ter tempo, a atividade física precisa fazer parte da sua rotina como uma prioridade. Que seja 30 minutos, faça o que puder, da melhor forma.

 

Você sabia que o cérebro precisa “malhar” também?

Foto: Briozo

Quanto à mente eu sugiro que você nunca pare de estudar, de ler livros, de pensar sobre as coisas. Não fique estagnado na sua rotina se ela não requer uma atividade mental intensa. Eu costumo ler muito, estou sempre metida em cursos! Já fiz 2 graduações, 2 pós-graduações, mestrado, cursos diversos, adoro ir à congressos. Para mim é muito fácil, pois AMO aprender! Tudo o que aprendi ao longo da minha vida me serviu para algo. Meus cursos de webdesign (sim, já fiz, rsrsrsrs), por exemplo, me ajudam a lidar com as ferramentas de web do site e blog com facilidade.

Para quem não gosta muito, acredito que o hábito deve ser modificado  aos poucos. Você não decide da noite para o dia se tornar um super leitor e ler 10 livros em um mês. Precisa criar o hábito, começar aos poucos e manter sem desistir.

Para ter uma ideia da importância de manter o cérebro ativo, um estudo demostrou que, manter uma atividade cognitiva frequente durante a vida reduz a perda cognitiva e memória em idade mais avançada, independente da presença de doenças neurodegenerativas. A leitura e escrita retardam o aparecimento de demência – doença sem tratamento ainda, pois cérebro cria um estoque de conexões neuronais, tornando-o mais resistente aos danos decorrentes do envelhecimento.

Bem, na minha concepção, não há desculpas convincentes para eu não praticar uma atividade física e atividade mental frequente, e você?

Um beijo!